Avalie este artigo:

1 1 1 1 1 1 1 1 1 1 Avaliação 4.29 (89 Votos)

Provérbios com Tema 'Fortuna'

Apresentamos de seguida a lista de provérbios que sobre o tema 'Fortuna'.

Esta lista foi coletada de diversas fontes e está em constante evolução. Não é uma lista exaustiva da riqueza da língua Portuguesa. Caso conheça algum provérbio que não se encontre nesta lista, deixe o seu comentário para que o possamos adicionar.



A boa fortuna não somente faz as obras, mas autoriza as palavras
A condição própria é leme da fortuna de cada um
A fortuna a alguns dá muito, mas a ninguém dá bastante
A fortuna afagando espreita
A fortuna afagando espreita, e a prosperidade é a mais suspeita
A fortuna até aos vencidos ensina a arte da guerra
A fortuna atira uns à lama, para elevar outros à glória
A fortuna cansa-se de trazer sempre às costas o mesmo homem
A fortuna dá a riqueza, a escasseza a conserva e a liberalidade a desbarata, e raramente dura
A fortuna do rico é o seu baluarte, a miséria dos pobres é a sua ruína
A fortuna é cega
A fortuna é como o vidro: tanto brilha como quebra
A fortuna é madrasta da experiência
A fortuna é madrasta da prudência
A fortuna é touro bravo que enquanto vê bolir o toureiro não se aparta do furor até que o acaba
A fortuna é vária: hoje é a favor, amanhã é contrária
A fortuna enlouquece a quem muito favorece
A fortuna faz bravura
A fortuna mais asinha se acha do que se sustenta
A fortuna muda as feições
A fortuna não consiste em ter, antes em merecer
A fortuna não é como se pinta
A fortuna não muda os homens, o que faz é desmascará-los
A fortuna não tira senão o que tem dado
A fortuna nunca se satisfaz com danar uma só vez a quem começa a mostrar a sua obscura cara
A fortuna protege os audaciosos
A fortuna somente é cega para os que a não compreendem
A fortuna torna insolentes os seus favoritos
A fortuna varia: hoje a favor, amanhã contraria
A fortuna vem quando se dorme
A fortuna vira as costas ao homem que volta atrás
A fortuna, a alguns dá muito, mas a ninguém dá bastante
A fortuna, afagando, espreita
A fortuna, assim como a desgraça, não costuma vir só
A fortuna, quando afaga, não espreita
A inconstância da fortuna assusta os felizes e anima os infelizes
A maior das fortunas é querer pouco e poder muito
A roda da fortuna anda mais que a do moinho
A roda da fortuna nunca é uma
A roda da fortuna tanto anda como desanda
De fortuna e santidade, a metade da metade
É mais fácil encontrar a fortuna que retê-la
Má fortuna nunca foi louvada
O que a fortuna rege não é seguro
Quantas vezes a fortuna que buscamos fica atrás



COMENTÁRIOS

Deixe o seu comentário e partilhe o seu conhecimento relativamente aos provérbios portugueses que fazem parte da nossa cultura.

Ajude a divulgar os provérbios e a determinar a sua origem e significado. Contamos com a sua ajuda!

O site Provérbios Portugueses não é responsável pelos comentários inseridos pelos utilizadores. Cada utilizador Facebook é responsável pelos seus comentários. Não serão tolerados comentários racistas, insultuosos, spam e outros considerados impróprios pelos administradores do site Provérbios Portugueses.