Avalie este artigo:

1 1 1 1 1 1 1 1 1 1 Avaliação 4.11 (113 Votos)

Provérbios com Palavra Chave 'amigo'


Apresentamos de seguida a lista de provérbios que usam a palava amigo.

Esta lista foi coletada de diversas fontes e está em constante evolução. Caso conheça algum provérbio que não se encontre nesta lista, deixe o seu comentário para que o possamos incluir.


A casa do amigo rico irás, sendo requerido; a casa do necessitado, sem seres chamado
A sorte traz os maus amigos
A sorte, faz parentes; a escolha faz amigos
Amigo a que favoreceste, amigo que perdeste
Amigo agastado, inimigo dobrado
Amigo anojado, inimigo dobrado
Amigo de Deus, inimigo do padre
Amigo de mesa não é de firmeza
Amigo de todos, amigo de ninguém
Amigo do meu amigo, meu amigo é
Amigo do peito, tormento sem jeito
Amigo é o braço e o aço
Amigo fiel e prudente, vale muito mais que parente
Amigo não empata amigo
Amigo que esquecemos vivo, está morto
Amigo remendado, café requentado
Amigo, como a cabra do cutelo
Amigo, só de chapéu
Amigos de longe, contas de perto
Amigos e mulas, falecem a duras
Amigos, amigos... negócios à parte
Ao amigo e ao cavalo, não apertá-lo
Ao amigo que não é certo, com um olho fechado e outro aberto
Ao marido, serve-o como amigo e guarda-te dele como inimigo
Bocado comido não ganha amigo
Bocado comido não granjeia amigo
Bolsa vazia afugenta amigos
Bom livro, bom amigo
Bons amigos, bons conselhos
Cara de poucos amigos
Cem amigos, é pouco; um inimigo é muito
Come e bebe com teu amigo, mas não faças negócios com ele
Conversa de amigos, perda de tempo
Deus nos livre de inimizades de amigos
Do amigo sem sangue, guarda-te não te engane
É bom ter amigos, até no inferno
É nos tempos maus, que se conhecem os amigos bons
Enquanto há dívidas, não há amigos
Entre amigos honrados, cumprimentos são escusados
Entre amigos não há segredos
Entre amigos, a vista basta
Inimigo é amigo tardio
Livros e amigos, poucos e bons
Mais depressa se cansa um amigo de louvar, que um inimigo de injuriar
Mais vale inimigo sabedor que amigo ignorante
Na herança se perde o amigo e se ganha o inimigo
Nenhum dos meus inimigos desprezarei, se for bom; nenhum amigo louvarei, se fôr mau
No aperto do perigo, conhece-se o amigo
No jogo se perde o amigo e se ganha o inimigo
Nosso verdadeiro amigo é aquele que nada nos desculpa e nos perdoa tudo
O avarento rico não tem parente nem amigo
O jogo é o melhor companheiro e pior amigo
O melhor amigo é o que menos nos incomoda
O perigo não conhece amigos
O tempo mostra o amigo
Os amigos são para as ocasiões
Os defeitos do amigo, lamento-os e não os maldigo
Os pouco amigos são os que aplaudem sempre
Pior é fingido amigo, que declarado inimigo
Quando defendemos os nossos amigos, justificamos a nossa amizade
Quem bem me avisa, meu amigo é
Quem empresta ao amigo, arranja um inimigo
Quem não tem marido, não tem amigo
Quem não vê os defeitos do seu amigo, não o ama
Quem tem amigos, não morre na cadeia
Vida sem amigo, morte sem testemunhas
Vida sem amigos, morte sem castigo
Vinho velho, amigo velho
Vinho, ouro e amigo, quanto mais velho melhor
Viver sem amigos, não é viver



COMENTÁRIOS

Deixe o seu comentário e partilhe o seu conhecimento relativamente aos provérbios portugueses que fazem parte da nossa cultura.

Ajude a divulgar os provérbios e a determinar a sua origem e significado. Contamos com a sua ajuda!

O site Provérbios Portugueses não é responsável pelos comentários inseridos pelos utilizadores. Cada utilizador Facebook é responsável pelos seus comentários. Não serão tolerados comentários racistas, insultuosos, spam e outros considerados impróprios pelos administradores do site Provérbios Portugueses.